Embora o agronegócio no Brasil ainda apresente alguns gargalos como a parte logística, é inegável que temos vários produtos competitivos a nível internacional. Afinal, não é sem motivo que somos um dos maiores exportadores de alimentos do mundo.

Diante deste contexto, será que faz sentido investir em uma produtora de sementes de soja – um segmento onde o nosso país, em teoria, possui um grande diferencial competitivo – como a Boa Safra?

O que a empresa faz?

A Boa Safra é uma smallcap que abriu capital na Bolsa em 2021, logo há muitos investidores que ainda não conhecem com profundidade a operação da companhia.

De forma resumida, a companhia “encomenda” a produção de grãos de soja com produtores parceiros e, posteriormente, faz o tratamento e armazenagem desses grãos para que eles possam ser vendidos como sementes na safra seguinte. A imagem abaixo descreve bem esse processo.

O que é interessante nesse modelo de negócio é que a empresa não tem a necessidade de comprar ou arrendar terras, o que diminui o capex, custo fixo e a complexidade da sua operação.

Como diferencial, por ser especializada na produção de sementes de soja e possuir uma grande escala, a Boa Safra consegue entregar um grão para plantio com maior tecnologia e cuidado embutido, que se reflete em maior produtividade para o produtor no final.

Algo que possivelmente nos mostra quão bem sucedido é o modelo de negócios da empresa são seus resultados nos últimos anos. A companhia quase dobrou suas receitas de 2018 para 2020 e as margens, com a escala, aumentaram drasticamente conforme imagem mais abaixo.

Mesmo com todo esse crescimento recente a Boa Safra ainda tem uma participação de mercado pequena, sendo esse nicho em que atua um mercado ainda muito fragmentado, em teoria havendo muito espaço para crescimento e consolidação.

O principal motivo por trás do IPO recente foi justamente esse: ter recursos para continuar sua rápida expansão. Com a abertura de capital, a empresa captou aproximadamente 400 milhões de reais para continuar crescendo organicamente e, talvez, fazer uma ou duas aquisições nos próximos anos.

Para os investidores que se interessaram na tese pelos dados dispostos até o momento, tem uma informação importante que vocês precisam estar cientes quando forem olhar os números da empresa: a sazonalidade.

Conforme explicado na imagem acima, a maior parte da receita – e do lucro, por consequência – é reconhecido somente no 3T e 4T do ano. Somente com essa informação em mente que você deve olhar os números com maior profundidade pois, do contrário, você vai ter um susto quanto olhar as receitas do 1T e 2T que são, por causa da sazonalidade, extremamente baixas.

Enfim, a empresa reportou algumas semanas atrás os resultados do 3T e a tendência de crescimento, pelo menos até o momento, continua bem forte. Tivemos um crescimento, quando comparamos os números do 3º trimestre desse ano com os números do mesmo trimestre do ano passado de 92% na receita líquida e 228% no lucro líquido.

Se você se interessa pelo agronegócio, talvez Boa Safra seja uma boa oportunidade de investimento para adicionar ao seu portfólio, principalmente se a empresa conseguir manter uma expansão acelerada por mais alguns anos ainda.

Para ter uma referência de preço, atualmente as ações são negociadas a 13,3x os lucros quando olhamos o resultado dos últimos 12 meses, um múltiplo potencialmente atrativo para uma empresa que vem crescendo a um ritmo acelerado.

Também vale a pena citar que seu ROE e margem líquida são elevados, de 21,4% e 15,3%, respectivamente, um patamar que demonstra uma excelente alocação de capital por parte da empresa e até mesmo um diferencial competitivo relevante por entregar esse nível de margem.

Por outro lado, vale a pena destacar que o agronegócio como um todo vem apresentando uma boa performance nos últimos 12 meses, pelo menos em termos de crescimento de receita, conforme é possível ver na tabela abaixo.

A dúvida que fica, no final, é quais dessas empresas conseguirão continuar crescendo e apresentando lucros ainda maiores nos próximos anos. Diante do histórico da Boa Safra que vem entregando um ótimo crescimento desde 2018, vemos uma boa probabilidade dela continuar se mostrando vencedora nos anos a vir.

Se ficou interessado(a) na tese e nos números da companhia, faça seu estudo antes de optar pelo investimento ou não nas ações.


Texto escrito por Matheus Bicalho Sanches, graduado em administração e analista CNPI-P da Ticker 11 research. Iniciou sua carreira no mercado financeiro com 19 anos e, antes de se tornar analista, já foi assessor de investimentos na XP e gerente de varejo no Itaú.

*Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal
Small Caps

NÃO SE TRATA DE RECOMENDAÇÃO DE COMPRA OU VENDA

Caso você também queira escrever algo em nosso Portal, envie seu texto
para contato@smallcaps.com.br. Além do texto, precisamos de sua assinatura, com
nome e qualificação. Nos reservamos o direito de decidir quais textos iremos ou
não publicar.

Siga nossas redes sociais:
Twitter: www.twitter.com/portalsmallcaps
Instagram: www.instagram.com/portalsmallcaps

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui